whatsapp

Data: 23 de novembro de 2020

Como alimentação saudável contribui para o funcionamento do corpo?

Para garantir o bom funcionamento do corpo, é importante ter uma alimentação saudável associada à prática de exercícios físicos e outros bons hábitos. Sabemos que, com uma rotina cada vez mais intensa, as pessoas optam por alimentos industrializados e levam uma vida sedentária. Como consequência, no Brasil, a obesidade aumentou 67,8% nos últimos treze anos, saindo de 11,8% em 2006 para 19,8% em 2018.

Para evitar essa e outras doenças, é importante investir em dietas ricas em vitaminas e minerais, evitando doces e frituras e aumentando o consumo de água durante o dia. Além disso, mesmo que nem sempre seja possível fazer uma boa refeição, opte por snacks e lanches rápidos de marcas que produzam opções mais saudáveis e naturais. 

Leia o conteúdo até o final e confira os benefícios de uma alimentação saudável. 

Quais os benefícios da alimentação saudável para o funcionamento do corpo? 

Cada tipo de nutriente, como proteína, carboidrato, lipídeos, vitaminas e minerais possuem funções específicas no nosso corpo. É por meio deles que ocorrem reações voluntárias e involuntárias, que permitem que realizemos a maioria das ações, como pensar, andar, realizar exercícios, entre outras ações. 

Com uma alimentação pobre em bons nutrientes, é comum que pessoas apresentem vários sintomas e doenças, como fraqueza, anemia, raquitismo e osteoporose. Esses exemplos são doenças associadas à falta de vitaminas e minerais na alimentação. Além disso, uma dieta de má qualidade pode ocasionar em doenças mais graves, como obesidade, hipertensão e diabetes tipo 2. 

Ou seja, uma boa alimentação ajuda na prevenção de várias doenças, fortalece o sistema imunológico, diminui o risco de doenças crônicas, ajuda no funcionamento do intestino, melhora a produtividade e concentração, regula a produção hormonal e melhora a qualidade do sono. 

Quais alimentos mais indicados para uma alimentação saudável?

Uma alimentação saudável consiste em uma dieta equilibrada em nutrientes. Afinal, para garantir um bom funcionamento do corpo é importante ingerir as porções corretas carboidratos, lipídeos, vitaminas e minerais. A falta ou excesso de algum desses nutrientes pode prejudicar a saúde. Por isso, tenha uma dieta balanceada. 

Confira alguns alimentos acessíveis e saborosos que podem ser combinados em várias refeições. 

Linhaça

A linhaça é uma semente rica em ômega 3, um ácido graxo que atua no organismo reduzindo inflamações, melhorando os níveis do colesterol, aumentando o HDL (bom colesterol) e diminuindo o LDL (colesterol ruim), e protegendo o corpo de doenças cardiovasculares e cerebrais. Essa opção pode ser utilizada em saladas, vitaminas, bolos e pães. 

Chia

A chia é considerada um super alimento. A semente é originária da Guatemala e possui nutrientes, como fibras, cálcio, potássio e ômega 3. Uma colher de chá de chia por dia na salada ou suco já é suficiente para inserir minerais e vitaminas na alimentação e prevenir problemas cardiovasculares e de diabetes.

Quinoa

A quinoa é originária da América do Sul e considerada o grão de ouro pelos nativos da região. Assim como a linhaça e chia, ela também é rica em ômega 3, além de possuir proteína, vitamina B, cálcio e magnésio. Boa opção para saladas ou substituto para carne em receitas como quibe de quinoa, bife de quinoa, entre outras opções. A quinoa ajuda na construção de músculos mais fortes e previne doenças como infarto e derrame. 

Frutas vermelhas

As frutas vermelhas — amora, morango, cereja, framboesa, cranberry e goji berry — além de deliciosas são ricas em nutrientes de alto valor, como ferro, cálcio, fósforo e potássio. Elas ajudam no combate à anemia, colesterol alto e são fontes ricas de vitaminas C e vitaminas do complexo B, tendo altas propriedades antioxidantes que retardam o envelhecimento. Elas podem ser consumidas in natura ou serem ingredientes de tortas e sucos. 

Oleaginosas

As oleaginosas, como castanhas, nozes e amêndoas também fazem muito bem para a saúde. A castanha possui selênio, que é rico em antioxidante e fortalece o sistema imunológico. As nozes possuem a gordura monoinsaturada, gordura boa, que ajuda no controle do colesterol. Já as amêndoas possuem cálcio e magnésio que são importantes para a saúde óssea. Você pode consumir o mix de oleaginosas no café da manhã ou pequenas porções ao longo do dia. Além disso, você pode adicioná-las em bolos e cookies.

Gengibre

O gengibre é uma raiz originária do continente asiático e tem vários usos tanto na gastronomia quanto na medicina. Ele atua como bactericida e desintoxicante, reforçando o sistema imunológico e respiratório. Além disso, o chá de gengibre é muito utilizado para combater azia e enjoos e facilita a digestão de alimentos gordurosos.

Portanto, para ter um organismo saudável, é importante ter uma alimentação saudável, com diferentes grupos de alimentos e em quantidade adequada. Além disso, a ingestão correta de água é fundamental para manter tudo funcionando bem. Para descobrir qual é o volume ideal no seu caso, multiplique o seu peso por 35ml. O resultado é a quantidade de água que você deve ingerir. 

Gostou do nosso conteúdo? Quer receber outros conteúdos como esse na sua caixa de e-mails? Então, cadastre-se na nossa newsletter!

Data: 23 de novembro de 2020

Você sabe o que são as superfrutas?

O termo superfruta é relativamente recente, se popularizou a partir de 2004, quando o livro SuperFoods apresentou 14 alimentos extraordinários em valor nutritivo. Desde então, esse termo passou a ser utilizado para promover frutas com altas propriedades funcionais e que podem ser utilizadas como matérias-primas ou ingredientes pelos fabricantes de alimentos funcionais, bebidas e nutracêuticos.  Essas frutas se destacam, pois, possuem um alto valor nutricional e propriedades antioxidantes comprovadas, que melhoram a saúde e ajudam na prevenção de várias doenças. Por isso, o consumo dessas superfrutas tem aumentado nos últimos anos. Para entender melhor e conferir quais são as principais opções, leia o conteúdo até o final. 

O que são as superfrutas? 

Ainda não há uma definição única dos critérios utilizados para as superfrutas, mas em trabalho recente, quatro pontos foram combinados para definir essa categoria: conteúdo em nutrientes, qualidades de antioxidantes, intensidade das pesquisas médicas e sucesso/disponibilidade comercial — definido como a facilidade com a qual determinada fruta, com suas características de sabor, aparência, aroma e benefícios para a saúde, pode ser encontrada pelos consumidores —. 

Confira as principais:

  • Acerola;
  • Mirtilo;
  • Amora preta;
  • Cereja;
  • Groselha; 
  • Cupuaçu;
  • Goiaba;
  • Kiwi; 
  • Açaí; 
  • Blueberry;
  • Goji Berry;
  • Cranberry; 
  • Guaraná;
  • Romã;

Inicialmente consumidas in natura ou em sucos, as superfrutas já aparecem como ingredientes em inúmeros alimentos. É possível colocá-las em tortas, doces e até panquecas. Não há uma definição quanto a quantidade ideal, mas os médicos dizem que de 3 a 4 xícaras de chá, por semana, é um bom valor. 

Quais os benefícios desse tipo de alimento?  

As superfrutas são ricas em nutrientes, fibras, ácido graxo e conhecidas pelo alto conteúdo de flavonoides, antocianinas, vitamina C e antioxidantes. Esses alimentos possuem propriedades anti-inflamatória e antioxidantes que neutralizam os radicais livres, ajudando na prevenção de doenças degenerativas, como Alzheimer e Parkinson. Atualmente, o açaí é a superfruta com maior índice de antioxidantes.  

Além desses benefícios, elas também ajudam no combate de doenças neurológicas, cansaço, leucemia e o câncer de próstata. De fato, podemos perceber que as superfrutas são extremamente ricas em nutrientes, mas que ainda há uma grande carência em pesquisas para validar propriedades e popularizar sua eficácia.  

No Brasil, as superfrutas mais populares são o açaí, guaraná, acerola e algumas frutas vermelhas pela facilidade de encontrá-las em supermercados e mercearias. Contudo, elas nem sempre precisam ser consumidas in natura. Já há opções de snacks, por exemplo, que podem ser levadas na bolsa, mantendo qualidade e sabor. A Kobber possui uma linha de superfrutas, com opções de goji berry, cranberry e blueberry que são opções práticas e deliciosas para o seu dia. 

Gostou das nossas dicas? Quer conferir mais informações sobre alimentos saudáveis? Então, acesse nosso blog e veja outros conteúdos. 

X